4 dicas de como trabalhar o marketing digital em tempos de coronavírus

Se a internet já era um dos principais canais de comunicação de empresas com os clientes, nestes dias em que praticamente o mundo todo está de quarentena por recomendações de especialistas, mais do que importante, a internet passou a ser fundamental. Esta forma de comunicação é basicamente o meio mais rápido e eficiente de uma empresa falar com seu cliente, já que o contato pessoal ficou restrito e mídias como rádio, anúncios em revista e TV tendem a ser mais caros e de difícil segmentação e mensuração dos resultados.

Como tudo o que acontece de forma inesperada, o avanço da pandemia em âmbito mundial pegou a todos desprevenidos. A indecisão sobre como agir é geral e não poderia ser diferente. O importante agora é manter a tranquilidade, pesquisar diferentes cenários e agir com cautela.

Confira algumas dicas de como trabalhar o marketing digital em tempos de coronavírus.

Pause o planejamento que já havia sido feito

Estamos finalizando o primeiro trimestre do ano e provavelmente lá em janeiro sua equipe tinha todo um planejamento elaborado para os próximos meses. Mas o cenário mudou e não é hora de dar continuidade ao planejamento! O momento é de desenvolver novas estratégias e buscar desenhar novos caminhos.

Fortaleça o relacionamento com os clientes atuais

Agora é hora de investir em quem já conhece a sua empresa, em seus clientes ativos e seguidores nas redes sociais. Estreitar o relacionamento com esses públicos é primordial neste momento. Aproveite para conhecê-los melhor, use a criatividade para que eles interajam com as redes sociais, promova enquetes valiosas que possam te dar respostas assertivas para usar em ações imediatas, do dia a dia, e em estratégias de médio prazo.

Jamais se afaste das redes sociais

Este é o maior erro que uma empresa pode cometer neste momento! Se, com receio do que postar, uma empresa resolve simplesmente não aparecer, seu cliente vai acabar se esquecendo dela! As marcas mais importantes e valiosas do mundo investem em campanhas publicitárias ano após ano com o objetivo de reforço de marca, ou seja, não deixar que o consumidor se esqueça dela. Pense bem: o seu concorrente vai continuar com as publicações e anúncios nas redes sociais. Quando esta situação passar, de quem o cliente vai se lembrar quando precisar fazer uma compra: da sua empresa, que sumiu, ou do concorrente que se manteve ao lado dele todo este tempo?

Seja criativo

Criatividade faz parte de todo negócio de sucesso, principalmente nos momentos de crise. É hora de pensar diferente, de ir além. Buscar soluções ainda não utilizadas, se reinventar. As vendas podem cair, sim, mas a queda pode ser menor não só agora, mas também a longo prazo. Tem muitas empresas oferecendo vouchers de desconto para quando a quarentena acabar. Compre um voucher de R$50 e ganhe um crédito de R$100 para usar futuramente. É um modo de fazer com que o cliente volte à sua loja tão logo seja possível.

Contar com um parceiro experiente em marketing digital é muito importante para manter sua empresa ativa em tempos difíceis. Não se esqueça, a internet vai ser sua principal aliada neste momento e no novo cenário que se apresentará em seguida. Precisando de qualquer ajuda, a agência Big Data está à disposição! Conte com a gente =)

O FIM DAS CURTIDAS NO INSTAGRAM

Recentemente o mercado publicitário ficou movimentado após o Instagram divulgar uma futura novidade na forma como estamos acostumados a usar as redes sociais: o fim da exibição das curtidas nas publicações. Mas qual será o impacto desta mudança, se uma das métricas que estamos habituados a medir é justamente o número de curtidas que uma publicação recebeu?

Para entender melhor como vai funcionar: o autor da postagem terá acesso à quantidade de curtidas que a publicação recebeu, mas esse número não estará visível para os seguidores. Ainda não sabemos ao certo quando a mudança será implementada e nem o que vai acontecer, de fato, mas sem dúvida estamos diante de (mais) uma pequena revolução digital.

Segundo o Instagram, a ideia visa diminuir a corrida por likes, a guerra por popularidade que muitas vezes gera ansiedade nas pessoas, tornando a rede social um ambiente tóxico e prejudicial. O assunto não é recente, pois já faz algum tempo que as pessoas perceberam a importância de se desacelerar e se desintoxicar de redes sociais. Ansiedade, depressão e solidão são alguns sentimentos que podem surgir em decorrência do uso prejudicial das redes socais e o Instagram resolveu fazer a sua parte.

Analisar as curtidas de uma postagem é o que costuma ser chamado de “métrica de vaidade”, já que uma foto com muitas curtidas fica bonita no relatório, mas não necessariamente traz retornos reais para o objetivo de uma campanha. Analisando esta questão, a justificativa é interessante e muito válida, embora normalmente, quando novidades acontecem no mundo digital, a primeira impressão é de estranhamento e desconfiança.

Especificamente neste caso, especialistas compreenderam a proposta e os elogios à mudança foram em maior parte. A justificativa é que, tirando o foco dos likes, a atenção se voltará para conteúdos de qualidade. Imagens e textos bem produzidos, que sejam relevantes e gerem valor para o público-alvo, serão o mais importante.

Neste contexto, profissionais que trabalham com produção de conteúdo saem em vantagem com a mudança. Compreender o mercado, saber quem são os públicos-alvo, qual é a linguagem mais adequada para conversar com eles, entender suas dores e anseios e, principalmente, entender quais são os seus desejos e necessidades é fundamental para uma atuação bem sucedida. Este entendimento se reflete diretamente no tipo de conteúdo que será publicado. Quanto mais assertivo ele for, maiores serão as possibilidades de sucesso.

Mudanças sempre acontecem não só nas redes sociais, mas nas ferramentas e no marketing digital de modo geral. Estar atento às novidades, estudar quais são os possíveis impactos e se planejar para o novo é o que revela o diferencial de uma empresa. Ainda não é possível saber quais ações virão com essas mudanças, mas já fizemos nossa aposta em uma mudança positiva para empresas e clientes.

E a sua empresa, como se posiciona diante dessa questão? Se você tem dúvidas e não sabe responder, entre em contato com a gente. Juntos poderemos elaborar um planejamento de sucesso.

Como vender mais usando o Instagram Shopping

Sua empresa tem uma loja virtual para venda de produtos, possui conta ativa no Instagram, mas ainda não está utilizando o Instagram Shopping? Provavelmente está perdendo vendas! O Instagram Shopping permite que, ao postar a foto de determinado produto, seja criada uma tag com link para o site, que é onde a compra será realizada. Veja como fazer:

– Cadastrar a loja virtual no perfil do Instagram

Para que o Instagram Shopping seja configurado, é necessário que a conta no Instagram esteja em modo comercial. É preciso também ter uma conta no Facebook e configurar o Gerenciador de Negócios.

– Criar uma loja de produtos dentro do Facebook

Para isto, basta ir na aba “Lojas”, disponível no menu esquerdo da rede social, e inserir os produtos manualmente, com todas as informações.

– Integre o Instagram ao perfil do Facebook

Esta ação é feita nas configurações do Instagram. Após esta etapa, veja se a opção “Produtos” aparece dentro das configurações do Instagram. Pode ser que este processo demore alguns dias.

Depois que todas as etapas acima foram realizadas com sucesso, ao fazer uma publicação no Instagram irá aparecer a opção “Marcar Produtos”. Basta clicar e selecionar o produto correspondente!

Abuse da criatividade na hora de publicar os produtos. Por exemplo, use fotos que contem uma história, exiba personagens, fotografe modelos utilizando produtos, mostre cenas de confraternização e alegria. O consumidor gosta de participar destes momentos. Imagens que contam uma história mostram resultados muito mais significativos do que a simples foto do produto.

Precisa de ajuda para planejar estratégias de conteúdo que engajam os consumidores e ajudam a vender mais? Entre em contato com a Big Data!

6 dicas para fazer sucesso no Instagram

Lançado em outubro de 2010 inicialmente apenas para Iphone, o Instagram foi um grande sucesso já no primeiro dia de lançamento, se tornando o app mais baixado na Apple Store! Três meses depois chegava ao marco de 1 milhão de usuários em todo o mundo. Somente em abril de 2012 o app foi enfim disponibilizado para aparelhos com sistema operacional Android e na ocasião já contava com mais de 30 milhões de usuários. Poucos dias depois, o Facebook anunciou a compra do Instagram e as novidades nunca mais pararam de surgir. Umas ótimas, outras nem tanto.

Em 2015, o Instagram liberou a ferramenta de Ads, ou anúncios pagos. A partir daí, começaram as mudanças nos famosos e temidos algoritmos, que fazem com que a publicação que não recebe investimentos financeiros apareça para cada vez menos pessoas.

Uma das principais novidades, e que revolucionou a forma como as pessoas usam o aplicativo, foi a criação dos stories, formato de vídeo que fica disponível por apenas 24 horas. O modelo já fazia sucesso, entre os adolescentes principalmente, mas em outro app, o Snapchat, que viu seus acessos despencarem depois da cópia novidade do Instagram.

E como o app não para de inovar, em junho de 2018 anunciaram mais uma novidade que promete fazer grande sucesso, o IGTV, que funciona como um canal de tv mesmo, com vídeos de até 10 minutos. São muitas possibilidades de utilização e agora vamos mostrar 6 dicas para sua empresa ter ainda mais sucesso no Instagram.

1 – Faça fotos de qualidade

Não tem segredo. Como o Instagram é uma rede social voltada para a fotografia e vídeo, qualidade é fundamental. Aprender o básico da fotografia como composição e enquadramento ajuda muito neste quesito. Ninguém entra em uma rede social para ver fotos que não sejam interessantes. Pense em como fazer a foto antes de clicar, às vezes mudar um pouco que seja a posição do celular já ajuda muito.

2 – Utilize boas ferramentas de edição de imagens

Depois de ter feito uma boa foto, pense também na edição. Acredite, por melhor que a foto seja, sempre dá pra melhorar! O próprio Instagram tem sua ferramenta de edição, mas que é um pouco limitada. Vale a pena buscar por aplicativos gratuitos como Snapseed, Lightroom e Vsco.

3 – Não se esqueça das Hashtags!

O Instagram permite a utilização de até 30 hashtags, embora seja recomendado o uso de no máximo 10 por foto. Pesquise as que tenham maior quantidade de fotos publicadas e fique de olho nas tendências! Com frequência surgem tags novas que bombam por determinados momentos. Mas só utilize-as se realmente tiverem a ver com sua foto, ok?

4 – Interaja com seus seguidores

O Instagram é uma rede social e por isso incentivam a interação entre os usuários. Curta e comente as fotos dos seus amigos e das pessoas com as quais você se relaciona. Em caso de perfis empresariais, jamais deixe de responder as perguntas dos clientes, seja na publicação ou por inbox.

5 – Use aplicativos para gerenciamento

O Instagram é uma rede social móvel, para smartphones e tablets, tendo suas funcionalidades muito limitadas em desktop. Se seu perfil recebe muitas interações, pode ser interessante utilizar ferramentas de terceiros, que funcionam perfeitamente em desktop. Estas ferramentas permitem que você responda comentários e até realize agendamentos de postagens.

6 – Planeje estratégias em vídeo

Pesquisas indicam que até 2020 a forma de conteúdo mais visualizada pelos internautas serão os vídeos. Com os stories e agora com o IGTV, as possibilidades são muitas! Reserve um tempo para planejar e criar conteúdos com vídeos.

Dica bônus: jamais compre seguidores!

Essa prática só prejudica o seu negócio, já que as interações não acontecem. De nada adianta ter milhares de seguidores se ninguém curte e comenta ou, pior, não conhece sua empresa.

Precisa de ajuda pra fazer o perfil da sua empresa no Instagram ser um sucesso? A Big Data pode te ajudar, entre em contato com a gente!